(65)4042-1055 |atendimento@caofeliz.com
Português France Italian English Spanish

Conheça o grupo de cães esportistas

Conheça o grupo de cães esportistas


Todos os animais precisam trabalhar para ter comida e água e se comunicam com os outros por meio da energia. O nível seguinte de comunicação é se dirigir ao cão que existe em seu bicho de estimação. Por ser um carnívoro social, o cachorro naturalmente deseja fazer parte de uma matilha. Ele vê o mundo de maneira bastante organizada, com regras definidas e claras às quais obedecer e uma hierarquia bem estabelecida de funções e status. Ele enxerga o mundo primeiro por meio do focinho, depois com os

Todos os animais precisam trabalhar para ter comida e água e se comunicam com os outros por meio da energia. O nível seguinte de comunicação é se dirigir ao cão que existe em seu bicho de estimação. Por ser um carnívoro social, o cachorro naturalmente deseja fazer parte de uma matilha. Ele vê o mundo de maneira bastante organizada, com regras definidas e claras às quais obedecer e uma hierarquia bem estabelecida de funções e status. Ele enxerga o mundo primeiro por meio do focinho, depois com os olhos e por último com os ouvidos.
Acredite se quiser, apenas abordando e satisfazendo as necessidades de seu bicho de estimação, levando em conta que ele é um animal em primeiro lugar e um cão em segundo, é possível aprender a evitar e superar muitos problemas que você possa ter com ele. O nível seguinte na psicologia do cão é a raça. Quanto mais puro ele for, mais sintonizado estará com os sinais emitidos pela raça e mais reagirá a eles.

GRUPO DOS ESPORTISTAS
São descendentes daqueles criados para trabalhar com caçadores humanos, para localizar, levantar (fazer a caça sair de seu esconderijo) ou buscar caças, principalmente pássaros. Pointers e setters são os cães que localizam e apontam a caça; spaniels são os que levantam; e
retrievers são os que vão buscá-la depois que o caçador atira. Lembre-se: dizemos “esportistas” porque eles não matam. Com o tempo, os seres humanos adaptaram esses instintos e comportamentos predatórios, herdados dos lobos, e fizeram com que esses cães parassem de matar. Isso se tornou um esporte para o animal. Um bom animal esportista precisa de vigor. A caça é um esporte que combina horas e horas de atividade intensa com espera focada, o que requer muita paciência e concentração. É por isso que é seguro dizer que cães de raças esportistas costumam ter alta energia. Quanto mais puro é o animal, mais intensas tendem a ser as características específicas da raça.

Pointer: É uma raça britânica que tem como principal característica encontrar a caça e o caçador com uma expressão nobre e poderosa. Esse cão é leal, cheio de energia e ama sua família.

Setter: Essa raça proveniente da Irlanda, originalmente foi desenvolvido para ser cão de caça ele correr com seus 68 cm de altura.  Esse cão tende a ter o metabolismo mais acelerado precisando de mais comida, isso porque tem o costume de ser mais ativo que os outros cães.

Spaniels: Ele é agil, adaptável, rápido e atento.  Sua inteligência e fofura, o spaniel é uma raça usado em caças por seu grande olfato e velocidade com a função de apontar aonde está a caça até que seu tutor venha. 

Retriever: Dócil, companheiro e muitas vezes considerado o cão dos sonhos. Essa raça de origem britânica é considerada muito inteligente, por vezes usado como cão-guia é um ótimo nadador e sabe socializar bem com a família e desconhecidos.

Atividades para cães esportistas
Caminhadas longas e vigorosas pelo menos 2x ao dia. Ou, para criar experiências mais desafiadoras para o seu cão esportista, andar de bicicleta, patinar, andar de skate, colocar uma mochila nas costas do animal durante a caminhada, são ótimas opções também. A mochila
oferece peso extra para garantir que a caminhada seja mais vigorosa e também oferece um desafio psicológico, que é carregá-la. Você pode adicionar atividades específicas também.

Para pointers e setters, recomendamos jogos estruturados, que possam ser jogados no quintal ou em parques, praças. Consiste em você apresentar a ele um objeto com cheiro familiar, depois esconder e guiar o animal até que ele o aponte, ache. Recompense o cão apenas na fase da localização, para não tornar o exercício voltado para a presa. Para spaniels, o mesmo exercício pode ser usado, mas com o cão encontrando e pegando o objeto escondido. Para retrievers, o objetivo é ensiná-los a encontrar o objeto, buscar e trazer de volta a você
sem nenhum dano. Frisbee e outros jogos de quintal são excelentes. Mas lembre-se de que, mesmo que você lance o disco muitas vezes, se estiver em um espaço fechado e não tiver realizado um bom passeio, estará apenas criando excitação no seu cão, e não gastando energia
da forma correta.

Muitos dos retrievers foram criados para ser cães de água, incluindo o labrador, o spaniel d’água irlândes e o americano, o nova scotia duck tolling retriever, o curly- coated retriever e o Chesapeake bay retriever. Natação, mergulho e a busca de objetos dentro
da água são atividades que satisfazem esse tipo de cachorro.

Os cães esportistas costumam ser excelentes em atividades de busca e resgate. Outro exercício que sugerimos é o “encontre a família”. Membros da família devem se esconder em diversos lugares, então você dá ao cão uma peça de roupa e ele deve encontrar a pessoa cujo cheiro esteja na roupa. Essas atividades fortalecerão ainda mais seu papel de líder da matilha, e também o vínculo e a amizade com seu cão. Não esqueça de recompensar seu cão com muitos elogios ou petiscos nesse exercício de “encontre a família”.

Se você gostou dessa matéria, compartilhe com seus amigos, familiares. Também, fique à vontade para entrar em contato conosco, deixando sua crítica, elogios, sugestões, etc. Se tiver dúvidas de como colocar em prática os exercícios e sugestões nessa matéria, podemos te ajudar com nossas aulas de Adestramento comportamental presencial e on-line. Teremos prazer de fazer a primeira aula totalmente gratuita!